• Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por e-mail.

    Junte-se a 165 outros seguidores

  • Arquivos

5 universidades para curtir no Facebook


Quer estudar sem ter de sair do Facebook, Twitter e YouTube? Que tal conferir as páginas de universidades como Harvard e MIT? Eles disponibilizam de tudo na Internet, desde aulas e seminários até fotografias dos últimos jogos de futebol americano dos times universitários. O material é todo em inglês, mas é uma boa opção para quem quer dicas de estudo, ainda está em dúvida sobre qual carreira seguir ou simplesmente quer conhecer um pouco mais da vida universitária.

Confira abaixo:

Universidade de Harvard

Uma das mais presentes nas ferramentas sociais, Harvard tem conta no Facebook, Google+, Twitter, YouTube e oferece aulas pelo iTunes.

Universidade da Pensilvânia

A instituição disponibiliza todo seu arquivo de áudio e vídeo no iTunes, além de trazer vários curtas no seu canal do Youtube. Confira a página no Facebook, Twitter, YouTube, iTunes e Flickr.

Instituto de Tecnologia de Massachussets

Cursos inteiros podem ser vistos pelo YouTube. Uma boa para quem quer testar se realmente gosta de algumas áreas da Engenharia e Matemática. Veja o Facebook, Twitter, Google+ e YouTube.

Universidade de Michigan

Aulas abertas ao público via iTunes e uma conta no Twitter mais descolada que o comum são os diferenciais dessa universidade. Confira o Facebook, Twitter, YouTube e iTunes.

Universidade de Stanford

Cursos inteiros são oferecidos pelo iTunes e, no Facebook, há um aplicativo de livros gratuitos. Veja o Facebook, Twitter, YouTube e iTunes.

No Brasil:

A Unesp tem uma página no Facebook que usa para postar uma série de conteúdos multimídia, além de ajudar alunos na hora da escolha profissional. A página chama “guia de Profissões Unesp” e pode ser acessada por este endereço: https://www.facebook.com/guiadeprofissoesunesp

A Universidade de São Paulo também tem página no Facebook, Twitter e YouTube, mas não interage muito com os usuários e a conta do Twitter, por exemplo, parece mais um feed de notícias do que um canal de comunicação. Já o canal do YouTube traz vídeos diferentes e matérias produzidas sobre as pesquisas e as faculdades da USP.

Fonte: Guia do Estudante

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: